Sidebar

17
Dom, Fev

Lúcio Mauro Filho

  • Artistas homenageiam classe trabalhadora no 1º de maio com postagens contra a reforma trabalhista

    Viraliza na internet a campanha “Somos contra a reforma trabalhista”, abraçada por inúmeros artistas, no 1º de maio - Dia do Trabalhador e da Trabalhadora – porque "o trabalhador merece respeito! Afinal, é ele que faz o país andar!", escreveu a atriz Nathalia Dill, em seu Instagram.

    nathalia dill contra reformas instagram

    A campanha faz parte de uma homenagem à classe trabalhadora no 1º de maio. Além de Nathalia Dill aderiram ao movimento as atrizes Alinne Moraes, Taís Araújo, Camila Pitanga, Leandra Leal e Suzy Rêgo, os atores Rocco Pitanga, Herson Capri, Paulo Betti, Lázaro Ramos, a cineasta , entre muitos outros.

    Além de participar da campanha, o ator Lúcio Mauro Filho postou um longo texto onde afirma contribuir com a previdência desde os 17 anos. Ele também reconhece que tem um “salário acima da média”, mas nem por isso pode se “omitir, como cidadão”.

    Mauro Filho escreveu ainda que “questões com essa profundidade, devem ser discutidas arduamente com todos os setores da sociedade, pois avança sobre direitos conquistados com muita luta”.

    lucio mauro filho conra reforma da previdencia

    E complementa: “Não dá para ser tocada, por um governo tampão, que se instaurou da forma que foi”. Com a hashtag #nãodecidapornósporquetemosvoz, os artistas postaram fotos com a carteira profissional para simbolizar as garantias da classe trabalhadora como férias, 13º, salário digno, FGTS, descanso remunerado, entre outras conquistas que correm riscos.

    Portal CTB – Marcos Aurélio Ruy. Fotos: Instagram/Reprodução

  • Todo mundo pela democracia no show "Rio pelas Diretas Já!" na praia de Copacabana neste domingo

    "Este movimento não é de direita nem de esquerda. É um movimento pela democracia". diz o ator Wagner Moura. Porque "nossa crise é uma crise de legitimidade", complementa.

    O movimento Rio pelas Diretas Já! realiza um grande show na praia de Copacabana, na Cidade Maravilhosa, neste domingo (28), a partir das 11h da manhã. Já está na “hora de escolhermos o nosso caminho para decidir o futuro do país”, diz parte do texto na página do Facebook do evento.

    Vaca profana, de Caetano Veloso que canta com Maria Gadu 

    A secretária da Mulher Trabalhadora da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil no Rio de Janeiro (CTB-RJ), Kátia Branco, defende a participação de todo o movimento social e político nas Diretas Já!. "Estamos com os artistas nessa campanha para a criação de uma frente ampla com objetivo de colocar o Brasil no trilho do desenvolvimento, da liberdade e da criação de empregos". acentua.

    Confirme sua presença aqui.

    Organizado pelas frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo, o show une diferentes talentos da rica MPB. Caetano Veloso, Criolo, Mano Brown (dos Racionais MC’s), Teresa Cristina, Maria Gadu, Mart’nália, Pretinho da Serrinha e o Cordão do Bola Preta garante uma grande festa.

    A convocação vem sendo feito através de inúmeros vídeos por outros artistas como Emanuelle Araújo, Adriana Esteves, Vladimir Brichta, Wagner Moura, Tico Santa Cruz, Fábio Assunção, Lúcio Mauro Filho, entre outros. 

    O meu mundo é hoje, de José Batista e Wilson Batista. Canta Teresa Cristina 

    A grande preocupação do movimento sindical, movimentos sociais, estudantes e partidos progressistas é a possibilidade de o Congresso Nacional eleger o próximo presidente para um mandato tampão de forma indireta, com consequências imprevisíveis na crise brasileira.

    Veja vídeo da TVT convocando para o Rio pelas Diretas Já!

     

    Por isso, “vamos pra rua defender o nosso direito de votar e arrumar essa bagunça desse governo que pirou este país”, diz a atriz Emanuelle Araújo ao convocar para o evento. O ator Gregório Duvivier anuncia: “primeiramente fora Temer, segundamente Diretas Já. Se a gente empurrar o Temer cai”. 

    Não é a primeira vez que os artistas tomam posições políticas no país. No movimento por eleições diretas para a Presidência da República, de 1984, depois de mais de 20 anos sem eleições, muitos artistas viajaram o país em campanha por Diretas Já. Milhões foram às ruas.

    Espiral de ilusão, de Criolo 

    Já para o também ator Lúcio Mauro Filho, o movimento em defesa de eleições diretas para presidente é a melhor maneira de unir a nação. “Diretas Já, porque estamos falando de Brasil". Enquanto Fábio Assunção defende a renúncia de Temer e avisa que “nós é que não vamos renunciar. Diretas já”. Criolo canta para Temer "como você dorme com isso, como você dorme tranquilo" no samba "Espiral de ilusão". Recado dado.

    Portal CTB – Marcos Aurélio Ruy