Sidebar

16
Ter, Jul

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Nem a chuva forte que caiu sobre a capital baiana na manhã desta terça-feira (29/3) tirou o brilho do ato organizado pela CTB Bahia para comemorar os 467 anos de Salvador. Reunidos na Praça da Piedade, trabalhadores de diversas categorias se uniram para protestar contra os desmandos da gestão do prefeito ACM Neto (DEM), que vem se notabilizando por gastar milhões em festas e diminuir os investimentos em educação, saúde e contenção de encostas.

Desde a sua fundação que a CTB realiza um ato para marcar o aniversário da cidade, sempre fazendo um contraponto aos festejos oficiais e mostrando as reais demandas do povo de Salvador. “Comemorar o aniversário de Salvador já é parte da agenda de mobilização da CTB. Hoje estamos aqui mais uma vez para mostrar a cidade que a imprensa e a prefeitura não mostram. Uma cidade imensamente desigual com uma administração elitizada e voltada para apenas o segmento mais rico, enquanto esquece do povo mais pobre. Este é também um ato de protesto contra a tentativa de golpe que está em curso no país”, ressaltou o presidente da CTB Bahia, Aurino Pedreira.

A irreverência foi a marca do evento, que contou com a apresentação da poesia dos Poetas da Praça, das tiradas da dupla de repentistas Zé Rodrigues e Riso do Norte, além da banda Tambores de Búzios, com sua percussão.

O vereador Everaldo Augusto (PCdoB) parabenizou a CTB pela iniciativa e também falou dos problemas enfrentados pela cidade. “Salvador está parada no tempo com administrações que não se preocuparam em enfrentar os grandes problemas da cidade como a contenção das encostas ou a deficiência no transporte público”, frisou.

Fonte: CTB-BA

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.