Sidebar

24
Dom, Mar

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Atendendo ao que dispõe o seu Estatuto, a APLB-Sindicato realiza 18 Assembleias Regionais com os Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia, na manhã da terça-feira (7), às 9h com o objetivo de discutir a Agenda da Greve Nacional da Educação contra a reforma da previdência e pelo cumprimento da Lei do Piso Salarial Nacional, com início dia 15 de março.

Seguindo a convocação da CNTE, a APLB-Sindicato reuniu mais de 10 mil trabalhadores em educação nas Assembleias Regionais. A assembleia da Regional Metropolitana aconteceu no Ginásio dos Bancários, em Salvador, no mesmo horário.

É importante respeitar a orientação estatutária da APLB, pois, uma única assembleia não deliberará sozinha nenhuma pauta, e sim, a partir do conjunto das assembleias nas 18 regionais, concomitantemente, com pauta definida.

Respeitando a decisão das assembleias regionais e a vontade da maioria, APLB-Sindicato apresenta abaixo o resultado das 18 assembleias regionais:

Aprovada a agenda da greve nacional da educação de 15 a 24 de março de 2017.

Fonte: APLB-Sindicato. Foto: Getúlio Lefundes, Metropolitana Salvador

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.