18
Seg, Dez

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A greve dos técnico-administrativos em Educação da UFBA em defesa dos serviços públicos e contra o corte no orçamento das universidades públicas federais tem início nesta quarta-feira (22/11). Na data, os servidores realizam ato a partir das 7h30, no portão de Ondina, para chamar a atenção da comunidade universitária e da sociedade sobre as reivindicações da categoria.

Nesta quinta-feira (23/11), acontece assembleia, às 9h, na Faculdade de Economia para avaliar o movimento. Em seguida, os trabalhadores saem em passeata no Centro de Salvador para alertar também a população sobre a mobilização dos servidores.

A Universidade Federal da Bahia possui 3.126 Técnico-Administrativos em Educação, segundo dados da UFBA. Entre as reivindicações da categoria estão a defesa do PCCTAE (Plano de Carreira dos Técnico-Administrativos em Educação) e dos serviços públicos, revogação do PDV (Programa de Desligamento Voluntário), contra o aumento da contribuição previdenciária dos servidores, contra o PLS 116/17, que permite a demissão do servidor público estável, negociação salarial imediata, além do repúdio à reforma da Previdência.

Assufba

0
0
0
s2sdefault