Sidebar

19
Ter, Mar

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O Sindicato dos Servidores e Servidoras Municipais de Itabuna (Sindserv) denunciou os desmandos do  governo Fernando Gomes  ao Ministério Público do Trabalho (MPT) e ao Ministério Público Estadual (MPE). De acordo com a entidade a prefeitura faz questão de demonstrar seu descaso com a situação e mantém os salários dos servidores  em atraso.

"Estamos diante de um governo que não paga salário em dia, que não segue as orientações do MPE. É um descaso total com os servidores do nosso município”, denunciou Wilmaci Oliveira, presidenta do Sindserv.

De acordo com a dirigente, "todos os dias diretores e diretoras do Sindserv vão à prefeitura cobrar dos secretários da Administração e da Fazenda uma atitude, mas não obtém sequer uma satisfação dos gestores"

Tem luta

Reunidos em assembleia na manhã ddo dia 20 de agosto, os servidores e servidoras decidiram que quem está com os salários em dia retorna aos locais de trabalho. Quem ainda se encontra com seus vencimentos atrasados participará de manifestações e/ou paralisações constantes, juntamente com o Sindserv, até que o pagamento dos salários seja efetuado.

Sindicato, servidores e servidoras estão mobilizados para a sessão desta quarta (29), às 14 horas, na Câmara de Vereadores. “O Sindserv participará de reuniões com o legislativo municipal, no sentido de construir uma proposta de projeto que não retire direitos, que garanta benefícios. Manteremos a categoria informada sobre o resultado destas conversas”, avisou Wilmaci.

CTB Bahia - Com informações do Sindserv|

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.

Últimas notícias