Sidebar

19
Sex, Jul

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Esta segunda-feira (16) foi muito especial no Complexo Ford. O Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari recebeu com muito entusiasmo o retorno de mais de 400 trabalhadores ao chão de fábrica, após o fim do lay off. A entidade recepcionou os funcionários com uma assembleia na porta da montadora., que ficou lotada.

O presidente do Sindicato, Júlio Bonfim, destacou a importância do retorno desses trabalhadores, que tiveram os empregos preservados graças à atuação da entidade na mesa de negociação com o Complexo Ford, com a implementação do lay off, que é a suspensão do contrato de trabalho.

“Essa foi a alternativa encontrada para evitar demissão em massa, como queria inicialmente a Ford, e assegurar o emprego de centenas de trabalhadores, que hoje voltam às atividades sem medo do desemprego e com os direitos garantidos”, explica Bonfim.

metal ford camacari3
Durante o período de lay off, os funcionários receberam parte do salário através do FAT (Fundo de Amparo ao Trambalhador) e passaram por cursos de qualificação profissional.

“Hoje foi um dia de muita comemoração. Afinal, nenhuma outra base do país conseguiu manter os empregos como nós conseguimos. Ao contrário, trabalhadores de diversas categorias sofreram com desemprego em massa e corte de direitos. Por isso, aqui em Camaçari o sentimento é de vitória e superação, mesmo diante de uma grave crise econômica”, diz Bonfim. Assim como ano passado, em 2017 a luta pela empregabilidade no Complexo Ford segue sendo prioridade para a gestão da entidade.

metal ford camacari

Fonte: Sindimetal Camaçari

 

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.