Sidebar

22
Ter, Jan

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O Sindicato dos Metalúrgicos de Camaçari/CTB fechou um acordo histórico no setor de autopeças, que funciona fora do Complexo Ford. Os trabalhadores da Magna Cosma, Magna Seating e Sodécia vão receber abono de R$ 3.600,00, reajustados pelo INPC de julho. O pagamento será em agosto de 2017. A Tenneco também fechou abono com o Sindicato no mesmo valor de R$ 3.600,00 para 2017. Agora, o Sindicato trabalha para estender o acordo, com os mesmos parâmetros e valores, aos trabalhadores da Sian Automotiva, faltando apenas algumas pendências nas negociações.

Mais uma vez, o Sindicato sai na frente e, mesmo em tempos de crise econômica e retração no mercado, consegue um acordo de extrema importância para os funcionários do setor de autopeças. O presidente do Sindicato insistiu nas negociações, resultando no fechamento do acordo já em quatro autopeças. “Mesmo com todas as dificuldades que a crise na economia nos impõe, conseguimos fechar esse acordo histórico. Isso mostra o quanto nossa luta nas negociações tem sido vitoriosas. Além do abono, temos sido vitoriosos na preservação do emprego, evitando a demissão em massa aqui em Camaçari”, diz Júlio Bonfim, presidente do Sindicato.

É preciso lembrar que há seis anos as montadoras no Brasil não pagam abono. As autopeças nem se falam, pois nunca pagaram abono no país, o que torna o acordo em Camaçari ainda mais importante, já que aqui os metalúrgicos têm essa conquista assegurada ano após ano.
O abono aumenta ainda mais a lista de avanços que os trabalhadores do setor de autopeças têm conquistado nos últimos anos, com grande empenho e habilidade do Sindicato na mesa de negociação, como redução da carga horária de trabalho, aumento salarial, Plano de Cargos e Salários, entre outros avanços.

Com Sindimetal Camaçari

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.