21
Sáb, Abr

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Com o tema: Organização e Unidade Política para o Fortalecimento da Agricultura Familiar, a FETAG-PI realiza seu 7° Congresso Estadual de Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares (7º CETTR), que se encerra nesta sexta (2), no Centro de Estudo Sindical Rural (CESIR), em Teresina.

A abertura do congresso, ocorrida na quarta (31), contou com a participação do secretário de finanças da CTB nacional, Sérgio de Miranda (foto), que também é vice-presidente da Fetag Rio Grande do Sul.

No Congresso foram realizadas as deliberações do movimento sindical piauiense e as decisões tomadas nele irão direcionar a Federação e os Sindicatos filiados pelos próximos 4 anos (2018/2022). E será ainda no CETTR, que ocorrerá a eleição para a escolha da nova diretoria da FETAG-PI, que terá em sua composição a paridade de 50% de mulheres e 50% de homens.

O processo de organização do Congresso teve início no dia 15 de agosto até 31 de dezembro de 2017, ao todo, foram realizadas cerca de 200 Assembleias Gerais nos Sindicatos, com o objetivo de discutir o Texto Base, onde também foram escolhidos mais de 400 delegados/as. Vale ressaltar que a paridade foi implementada até na escolha destes/as delegados/as, sendo 2 efetivos (1 homem e 1 mulher) e 2 suplentes respectivos.

No 7° CETTR, os/as dirigentes sindicais trabalharam com 4 grupos temáticos: direitos sociais, políticas públicas para os povos do campo; agricultura familiar, terra, água e créditos; PADRSS e os sujeitos do campo e sindicalismo e organização sindical da agricultura familiar e apresentaram as propostas que surgiram nos grupos para aprovação em plenário.

Fetag-PI

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.