Sidebar

23
Seg, Jul

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Duas empresas do transporte coletivo paralisaram as atividades entre 4h30 e 6h desta segunda (5), em Manaus.

Os trabalhadores das empresas de transporte coletivo Açaí e São Pedro cruzaram os braços em protesto contra a suspensão das negociações por parte da prefeitura.

No dia 24 de janeiro, o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram).deu prazo de dez dias para a retomada as negociações. A entidade sindical já havia alertado sobre a possibilidade de greve.

A categoria reivindica um reajuste salarial de 7% e, de acordo com os trabalhadores, a prefeitura deve cerca de R$ 7 milhões em retroativos.

Ao todo, 39 linhas foram afetadas, pelos cálculos do Sinetram, Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amazonas. Mais de 20 mil pessoas ficaram sem transporte público, principalmente nas zonas Norte, Oeste e Centro-Oeste de Manaus.

Portal CTB com agências

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.