Sidebar

21
Seg, Jan

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O seminário “Reforma Trabalhista, Impactos Sociais”, foi realizado na quinta-feira (26/10) promovido pela CTB, em parceria com o Instituto J. J. Geraldo, tendo como palestrantes integrantes do Tribunal Regional do Trabalho 8ª Região, os juízes Dr. Pedro Tourinho Tupinambá, presidente da Associação dos Magistrados do Trabalho da 8ª Região - AMATRA8; Dr. Vanilson Rodrigues Fernandes, vice presidente da AMATRA8, o Dr. Antônio Oldemar Coelho dos Santos, ex-presidente da associação e o advogado João Victor Dias Geraldo, especialista em direito e processo do trabalho do escritório J.J. Geraldo.

O seminário contou com a participação de 73 dirigentes e lideranças sindicais de cerca de 20 entidades e diversas categorias de atuação da CTB no Pará, além de juízes e advogados trabalhistas.

img 20171027 wa0102
Para o presidente da CTB/PA, Cleber Rezende, o seminário foi importante para nivelar o conhecimento e as ações das entidades e seus dirigentes no dia a dia nos sindicatos, “tivemos a oportunidade de debatermos com os operadores do direito do trabalho, colocando os desafios e impactos da dita nova legislação para o chamado Mundo do Trabalho”, ressaltando que, “as negociações coletivas requererão maior atenção dos dirigentes e forças das entidades para manutenção de direitos contra os estragos advindos da contra reforma trabalhista”. Reforçou ainda Rezende que “devemos garantir ampla mobilização da sociedade e em especial da classe trabalhadora para a paralisação no dia 10 de novembro”, véspera da entrada em vigor da reforma trabalhista.

Para o juiz federal, Dr. Vanilson Rodrigues Fernandes, vice presidente da AMATRA8 "O debate sobre a Reforma Trabalhista com aqueles que são os destinatários das normas é de fundamental importância, para que se entenda as profundas mudanças que a nova Lei trará ao Mundo do Trabalho, bem como para que as entidade sindicais estejam cientes do seu papel dentro desse novo modelo proposto”.

O juiz Dr Vanilson reafirma que, nesse sentido “o seminário promovido pela CTB, mormente pelo seu pioneirismo, para com as suas principais lideranças é muito salutar, pois além de tudo oportuniza aos magistrados do trabalho que exponham seus pontos de vista sobre os diversos aspectos da reforma a fim de contribuírem para esclarecimentos e dúvidas de trabalhadores e sindicalistas”. Ressaltando ainda que “a negociação coletiva, agora com a prevalência do legislado sobre o negociado, ganhou exponencial importância e o papel dos sindicatos é fundamental para se manter as conquistas históricas dos trabalhadores”. Destacando que “a Central de Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil – CTB está de parabéns pela iniciativa em reunir num debate, magistrados, advogados, lideranças sindicais e trabalhadores em geral".

Ao final a Dra Maria do Carmo Dias, coordenadora do instituto e escritório J.J. Geraldo, disse que o seminário “cumpriu importante papel ao reunir os operadores do direito trabalhista, sindicalistas e trabalhadores e trabalhadoras para estudar os impactos da contra reforma e seu enfrentamento nas mesas de negociações entre empregadores e empregados”, via as entidades sindicais e que “a justiça do trabalho passará ter papel fundamental no julgamento das demandas trabalhistas que tendem se avolumar na relação controversa entre capital e trabalho”, conclui.

Portal CTB com CTB Pará

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.