Sidebar

18
Sex, Jan

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Reunidas na sede do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), na última segunda-feira (27), as Centrais Sindicais do Pará definiram a agenda do próximo dia 31 de março, Dia Nacional de Mobilização Rumo à Greve Geral.

O movimento é convocado pela Frente Brasil Popular e Povo Sem Medo em todo o país contra as reformas da previdência e trabalhista encaminhadas pela gestão de Michel Temer.
A ampla mobilização nacional, visa barrar as reformas em curso no Congresso Nacional têm potencial de liquidar direitos da classe trabalhadora, do campo e da cidade, da juventude e idosos.

Durante a reunião, ficou definida a realização duas atividades a partir das 8h30. A primeira com concentração em São Brás; e a outra na Almirante Barroso (em frente do TJE- Tribunal de Justiça do Estado).

Ambas partirão em caminhada de São Braz e seguirão pela Cosanpa. No trajeto, os manifestantes também farão um protesto contra a privatização da companhia paraense de saneamento e o desmonte dos bancos públicos, em frente à Caixa Econômica Federal (na Gov. José Malcher com José Bonifácio).

A caminhada se encerra a Secretaria de Estado de Administração (Sead), onde os líderes do movimento esperam ser atendidos pelo governo do Estado.

Em frente ao TRT (Praça Brasil) ocorrerá manifestação contra a extinção da justiça do trabalho, sob coordenação do sindicato da categoria e associação dos servidores da justiça.

“Dia 31 de março vai ser um dia de preparação para a grande greve geral contra as reformas trabalhista, da previdência e oa terceirização, aprovado na Câmara dos Deputados”, afirmou o presidente da CTB Pará, José Marcos Araújo.

 

centrais para marcao

Fonte: CTB-PA

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.