Sidebar

19
Sex, Jul

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Bancários e bancárias de São Paulo elegeram a Chapa 1 para comandar o Sindicato da categoria pelos próximos três anos.

A chapa 1, que contou com o apoio da CTB, venceu com 78,76% dos votos a eleição realizada entre os dias 25 e 28 de abril. Foram 18,26% dos votos para a chapa 2; 1,79% nulos e 1,19% em branco.

Durante quatro dias, mais de 23 mil trabalhadores foram às urnas distribuídas em cerca de 3 mil locais de trabalho nas cidades de São Paulo, Osasco e mais 15 municípios da região. Ao todo, 228 urnas saíram da Quadra, no centro da capital, para percorrer centenas de quilômetros e chegar aos locais de trabalho, mesmo naqueles nos quais seria recolhido somente um voto. A coleta de votos foi feita também junto aos associados que trabalham em período noturno. Aposentados votaram na sede do Sindicato e cédulas em braille permitiram que bancários com deficiência visual participassem com tranquilidade.

De acordo com o cetebista Alex Livramento, que compõe a chapa vencedora, a participação expressiva dos trabalhadores foi a grande demonstração do envolvimento da categoria. “Essa participação grande da categoria legitima essa nova gestão e avançar na luta do próximo período que será muito difícil, diante desses ataques promovidos contra os trabalhadores, a exemplo da reforma trabalhista e terceirização. Teremos muitas lutas pela frente e a participação da categoria bancária em parceria com a nova diretoria do sindicato, será fundamental para nortear nossa ação", afirmou o dirigente da CTB.

Opinião compartilhada pela presidente eleita, Ivone Silva. Para ela, a luta conjunta que tem garantido à categoria, ao longo dos anos, avanços e conquistas. "União é mais importante do que nunca, agora, quando vivemos sob a constante ameaça de retirada de direitos. Vamos continuar juntos nessa luta em defesa dos empregos, salários, melhores condições de trabalho e por uma sociedade cada vez mais justa e igualitária, na qual os bancários possam exercer sua fundamental função social", afirmou Ivone.

Portal CTB

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.