Sidebar

22
Qua, Maio

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O Brasil vai às ruas nesta terça-feira (9) pela Jornada Nacional de Mobilização Contra o Golpe e em Defesa da Democracia, movimento organizado pela Frente Brasil Popular, formada por diversos movimentos sociais, políticos e centrais sindicais.

Frente Brasil Popular promove atos contra o golpe nos dias 5 e 9 de agosto 

Neste dia, ocorre a chamada "pronúncia do réu" no Senado Federal. Os 81 senadores irão avaliar o relatório aprovado na comissão especial (por 15 votos a 5) e votar pela continuidade ou não do processo de impeachment. É quando a presidenta pode tornar-se, de fato, réu. 

"O fator decisivo para assegurar essa virada será a nossa mobilização nessa reta final do impeachment. Está em jogo o presente e o futuro do povo brasileiro", diz nota lançada pela Frente Brasil Popular. 

Diferentes cidades são convocadas para a mobilização que terá, entre suas palavras de ordem: “Não ao Golpe”, “Fora Temer” e “Nenhum Direito a Menos”. Na cidade de São Paulo, a atividade iniciará às 17hs, com concentração no vão livre do Museu de Arte de São Paulo (Masp).

A nota divulgada pelos movimentos alerta também para os riscos de retrocesso nos direitos sociais no Brasil e reforçam que o pedido de impeachment de Dilma Rousseff não apresenta fundamento legal, sinalizando que sobre a presidenta eleita não pesa qualquer crime de responsabilidade.

Portal CTB

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.