Sidebar

16
Qua, Jan

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O dia é apropriado porque 25 de novembro é o Dia Internacional de Luta Contra a Violência à Mulher e marca o início da campanha dos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres em mais de 160 países.

ato mulheres 25 novembro republica sp

A manifestação ocorre na Praça da República, na capital paulista, a partir das 12h e tem participação da CTB e do Fórum Nacional das Mulheres Trabalhadoras das Centrais Sindicais (FNMT) entre diversas entidades do movimento feminista de São Paulo.

A manifestação denunciará também a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 181, que traminta na Cãmara dos Deputados e pretende proibir a interrupção da gravidez mesmo em casos de estupro. "É um retrocesso e uma violência inominável contra dos direitos das mulheres", diz  Celina Arêas, secretária da Mulher Trabalhadora da CTB.

Para ela, “essa campanha dos 16 Dias de Ativismo é um marco para a luta das mulheres no país todo. A nossa central combate a violência à mulher os 365 dias do ano, e nós vemos essa manifestação como um bom momento para para levar à sociedade uma mensagem em defesa da vida das mulheres”.

Vídeo do FNMT

As dirigentes do FNMT divulgaram nesta sexta-feira (24) um vídeo convidando à participação da classe trabalhadora nos 16 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência Contra as Mulheres. Cada representante das seis centrais sindicais que compõem o Fórum (CSB, CTB, CUT, Força Sindical, Nova Central e UGT) falou sobre assédio moral e sexual no ambiente de trabalho e sobre as dificuldades que impõem às mulheres.

Assista 

“Estaremos nas ruas mais uma vez para denunciar os efeitos da reforma trabalhista na vida de todo mundo, mas principalmente no que ela prejudica as mulheres em maior profundidade”, afirma Arêas.

A direção do Fórum garante também outra manifestação pelos 16 Dias de Ativismo na capital paulista no dia 6 de dezembro - Dia Nacional de Mobilização dos Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres.

Portal CTB – Marcos Aurélio Ruy. Foto: Mídia Ninja

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.