Sidebar

25
Sáb, Maio

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Terminou com a vitória da Chapa 2 – da Reconstrução, na noite desta sexta-feira (2), a apuração dos votos do processo eleitoral para nova direção do Sindicato dos Metroviários de São Paulo.

Com uma diretoria proporcional, a Chapa 2 apoiada pela CTB e CUT, conquistou 45% dos votos, elegendo 1 coordenador-geral e 27 candidatos (as) numa direção colegiada de 62 membros. Cinco chapas participaram da disputa: as chapa 1 e 3 (situação) elegeram 14 e 15 candidatos, respectivamente; as chapa 4 e 5 elegeram 3 cada. 

1 chapa1 wagner

Para Wagner Gomes, secretário-geral da CTB e coordenador da Chapa o resultado demonstra a insatisfação e vontade de mudança da categoria. “Fomos surpreendidos positivamente. Os trabalhadores demostraram que não estão satisfeitos. Portanto, nossa responsabilidade é ainda maior. Garanto que vamos trabalhar para corresponder a expectativa que a categoria colocou na nossa volta”, afirmou Gomes, que também é metroviário e ex-presidente do sindicato.

Durante todo o processo de apuração que transcorreu de forma tranquila, a Chapa 2 CTB/CUT se manteve a frente das demais.

Com lisura e respeito, assessores jurídicos, fiscais e mesários conduziram o processo que desde o inicio demonstrou que a categoria optou pela responsabilidade e experiência de quem conhece os verdadeiros desafios da classe trabalhadora e, principalmente, dos metroviários constantemente atacados em seus direitos e ameaçados pela tentativa de entrega do sistema à iniciativa privada.

1 ctb cut

“O resultado das eleições revela a grandeza da nossa Central. A CTB em aliança com a CUT soube trilhar o caminho do trabalho sério voltado aos interesses da categoria. O resultado das urnas, além de trazer a direção para diretoria do Sindicato, garante a maioria que vai ajudar a construir uma nova fisionomia. O Sindicato se perdeu e a resposta das urnas dá sentido a nossa luta.Os metroviários estão de parabéns. Apostaram naqueles que de fato têm um compromisso com a luta da categoria”, afirmou Adilson Araújo, presidente da CTB, que acompanhou a apuração.

No trecho Pátio Itaquera haverá segundo turno no dia 15 de setembro entre dois candiatos empatados. Caso vença o candidato da Chapa 2, o número de eleitos subirá para 28.

"Agradecemos a todos os metroviários e metroviárias que confiaram no nosso trabalho e votaram nos candidatos da Chapa 2 - A Chapa da Reconstrução. Juntos vamos reconduzir nosso Sindicato ao lugar de onde nunca deveria ter saído: de protagonista e referência nas lutas da classe trabalhadora", agradeceu Flávio Godoi, candidato mais votado na Linha 3 - Vermelha. 

Ao final, apoiadores passaram para parabenizar os eleitos e eleitas.

803712354 86600 5280586766136042749

803730642 50027 16845864564859205211

1 chapa2 orlando2

1 chapa vitoria geral

 Clique AQUI e acesse mais fotos no FACEBOOK da CTB

Cinthia Ribas - Portal CTB

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.