Sidebar

21
Dom, Jul

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A seleção brasileira encerra a sua participação na fase de grupos da Copa da Rússia com obrigação de vencer a Sérvia, às 15h, para ganhar a confiança da torcida. Com quatro pontos, empatada com a Suíça que joga contra a desclassificada Costa Rica, no mesmo horário.

Se quiser ficar em primeiro lugar sem depender do resultado de seus adversários anteriores, o Brasil precisa vencer. A próxima fase é no esquema “mata-mata”, ou seja, o time derrotado deixa o campeonato e se os jogos terminarem empatados, ocorre prorrogação e disputa em pênaltis, caso o empate persista.

Com um empate na estreia com a Suíça e uma vitória obtida nos acréscimos do segundo tempo da partida contra a Costa Rica, a seleção não encantou. Falta confiança aos jogadores para ousarem mais e se arriscarem mais em campo. A festa será toda nossa? Que baixe o espírito esportivo e compromisso com o bom futebol de jogadores de outros tempos.

Leia mais

Copa do Mundo 2018: o assédio também entrou em campoCopa do Mundo 2018: o assédio também entrou em campo

Brasil entra em campo para apagar a má impressão deixada no jogo de estreia nesta Copa?

O resto é torcer. Principalmente por causa da vergonha que torcedores brasileiros estão fazendo o país passar por atitudes inconvenientes e assédios sexuais às mulheres. Inclusive com o narrador Galvão Bueno, da Globo, flagrado aos gritos com funcionários de uma empresa aérea russa por causa da falta de lugar na área VIP da aeronave.

Marcos Aurélio Ruy – Portal CTB. Foto: R7

0
0
0
s2sdefault