Sidebar

15
Sáb, Jun

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) tem denunciado a Reforma Trabalhista, em tramitação no Congresso, liderada pelo governo ilegítimo de Michel Temer contra os direitos.

De acordo com o projeto, que altera mais de cem pontos da legislação, poderão ser negociados entre o empregador e empregado o parcelamento das férias em até três vezes, a compensação da jornada de trabalho, os intervalos de intrajornada, entre outros.  

O coordenador do Movimento dos Trabalhadores sem Teto (MTST), Guilherme Boulos, que participará da atividade, gravou um vídeo para sua coluna na Mídia Ninja, no qual explica as alterações em cinco pontos que prejudicam a classe trabalhadora.  

Assista:

Portal CTB

0
0
0
s2sdefault