Sidebar

21
Ter, Maio

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Pesquisa divulgada nesta quarta-feira (21) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostra que 116,1 milhões de brasileiros acessaram a internet em 2016. Os dados ainda apontam que 92,4% dos 116,1 milhões utilizavam aplicativos de troca de mensagens para se comunicar.

De acordo com o estudo, 76,4% dos usuários de internet no país acessam a rede para assistir vídeos, programas, séries e filmes. Já as chamadas de voz e vídeo são utilizadas por 73,3%. Na opinião dos autores da pesquisa, as pessoas têm priorizados formas de comunicação mais rápidas, oferecidas por aplicativos de celular.

E-mail ficando para trás

A pesquisa também aponta que o uso do e-mail diminuiu e foi utilizado por 69,3% dos usuários, apesar de já ter sido a principal razão para acesso à internet em 2005. Hoje, - e-mail é mais utilizado para processos relacionados ao trabalho.  

Telefonia móvel

Outro destaque da pesquisa é pelo uso da telefonia móvel. O acesso à internet por celular foi utilizado por 94,6% das pessoas na rede em 2016. A pesquisa alega que o aparelho permite acesso em redes públicas ou gratuitas.

Apesar de o celular ser predominante (94,6%), outras formas de acessar a Internet são via microcomputador (63,7%), tablet (16,4%) e televisão (11,3%), revela o estudo. 

Norte e Nordeste

A pesquisa também analisou o acesso nas regiões Norte e no Nordeste. Lá o uso do microcomputador é mais baixo, mas a banda larga móvel é o principal tipo de conexão nos domicílios. Nos domicílios, a pesquisa identificou que 77,3% utilizavam banda larga móvel e 71,4% banda larga fixa, enquanto 49,1% usavam ambos os tipos. No Norte, metade das residências (50,9%) se conectavam à Internet apenas por banda larga móvel.

Cada vez mais irrelevante, a conexão discada foi identificada em apenas 0,6% dos domicílios.

O estudo ainda mostra que 41,1 milhões de pessoas ainda não possuem aparelho próprio para uso pessoal, o que representa 22,9% da população de 10 anos ou mais.

Portal CTB - Com informações das agências

 

 

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.