Sidebar

22
Sex, Mar

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Será lançado nesta quinta-feira (26), no Memorial da Luta pela Justiça, o livro "Paulo Fonteles, sem ponto final", de Ismael Machado, que narra a história do ex-deputado, advogado e dirigente comunista paraense.

O lançamento contará com um ato político em homenagem à memória e história do sindicalista.

Paulo Fonteles (1949-1987) é um símbolo de resistência, de luta pela reforma agrária, justiça e inclusão social. Ele ficou conhecido pelo ativismo junto aos camponeses do estado do Pará e foi assassinado em 1987, aos 38 anos, a mando de latifundiários. 

Fonteles foi deputado estadual e advogado do Sindicato dos Trabalhadores Rurais do Pará e da Comissão Pastoral da Terra (CPT) durante a ditadura. Era conhecido como advogado do mato e lutou pelos direitos dos trabalhadores rurais como advogado e como parlamentar, especialmente focado na região de Marabá, no sudeste do Pará.

Os principais jornais paraenses, inclusive o maior deles, O Liberal, negaram-se a noticiar o assassinato do deputado, temendo represálias políticas e também econômicas, tal o poder exercido pelos ruralistas na região.

Realidade que ainda castiga o estado, que vem assistindo a um recrudescimento da violência no campo nos últimos anos, com lideranças rurais assassinadas a mando do latifúndio.

O livro é uma ação conjunta do Instituto Paulo Fonteles, Fundação Maurício Grabois e a Editora Anita Garibaldi. 

Participaram da organização da homenagem a OAB São Paulo, o Memorial da Luta pela Justiça, o Núcleo Memória e a Comissão Pastoral da Terra. O evento tem ainda o apoio da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), da União da Juventude Socialista (UJS) e da União Nacional dos Estudantes (UNE).

Serviço: 

Local: Memorial da Luta pela Justiça

Horário: 19 horas.

Endereço: Brigadeiro Luís Antônio 1249 - Bela Vista - São Paulo

Portal CTB com informações da Fundação Maurício Grabois
0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.