Sidebar

18
Seg, Mar

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Em sua participação no sarau cultural “Todo Mundo Tem Arte”, da CTB, o cantor e compositor, baiano Dinho Oliveira afirma a importância de existirem “espaços como este, que fortalecem o processo de luta pela retomada da democracia”. Além de valorizar "a cultura e a sabedoria do povo".

O artista lança seu quarto CD, "Cordelando o Destino", no evento na noite desta sexta-feira (24), na Casa da Classe Trabalhadora, em São Paulo. Ele afirma ter sofrido muita influência de Luiz Gonzaga e Elomar, dois dos mais importantes compositores da música regional do Nordeste, mas que "se tornaram universais pela grandeza de suas obras", define.

Veja clipe de Madrugando Chuva, de Dinho Oliveira 

Dinho conta que em sua casa ouvia esses dois artistas, mas também ouvia Beatles e o seu trabalho é "essa miscelânea de sons de toda uma vida". Para o músico, existem grandes artistas voltados para a nossa cultura de raiz, porque “se ficarmos à mercê do mercado, o mundo cultural acaba”.

Marcos Aurélio Ruy - Portal CTB. Foto: Adilson Araújo

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.