Sidebar

26
Ter, Mar

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Todo sábado o programa Extra-Classe, do Sindicato dos Professores do Estado de Minas Gerais (Sinpro-MG), vai ao ar na Rede Minas, às 10h da manhã. Neste sábado (9), o tema do programa foi a "Democracia no Brasil". Essencial para quem quer entender a conjuntura, envolvendo a trama golpista que quer apear do poder a presidenta Dilma Rousseff. 

Assista ao programa completo:

 

A palavra golpe é colocada no centro do debate. Especialistas analisam a história recente e avaliam o golpe de 1964, quando setores da elite brasileira se uniram às Forças Armadas e, sob o comando dos Estados Unidos, tiraram do poder o presidente João Goulart, instaurando uma ditadura que durou 21 anos. Nesse período, "quem defendia projetos de combate à pobreza não podia se manifestar", diz o cientista político Leonardo Avritzer.

Já a historiadora Regina Helena Alves da Silva diz que o golpe de 1964 foi engendrado em nome do combate à corrupção, mas inaugurou um novo modelo de economia reorganizando uma nova relação com o setor empresarial, trazendo a "corrupção para dentro do Estado".

Avritzer vê semelhanças com a conjuntura atual, mas cita algumas diferenças cruciais. Entre as semelhanças ele fala da "forte campanha midiática" contra as Reformas de Base, que visavam diminuir as desigualdades no país. Nas diferenças, ressalta o não envolvimento das Forças Armadas e o novo papel a que se propõe o Judiciário, criando a "ilusão de uma saída judicial", mas na realidade só há "saída política".

Verlaine Freitas, professor e filósofo, afirma ser muito importante a discussão de um "projeto de país com multiplicidade de opiniões" para acabar com a "mentalidade única", que impede o país de avançar em políticas para melhorar a vida das pessoas. 

O programa com pouco mais de 25 minutos é uma verdadeira aula de história e de crença no futuro com liberdade.

Portal CTB - Marcos Aurélio Ruy

 

 

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.