Sidebar

19
Sex, Jul

Legenda

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Na foto, o presidente de Cuba, Raúl Castro (centro), com o presidente colombiano, Juan Manuel Santos (esq), e o comandante das Farc, Timoleon Jimenez

A Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) saúda o povo colombiano, as suas organizações e todos aqueles na Colômbia e em outras partes do mundo que compartilham o desejo de ver, nessa longa caminhada que começou em 2012, a consolidação da paz duradoura depois do - cessar fogo e de hostilidades bilateral e definitiva; abandono das armas e garantia de segurança - como parte da implementação dos acordos definitivos nas negociações de paz que fortalece a proclamação da Comunidade de Estados Latino-Americanos e Caribenhos (CELAC) América Latina e Caribe como Zona de Paz.

A CTB soma-se ao sentimento de vitória de muitos latino-americanos de organizações sociais, populares, políticas de camponeses, indígenas, estudantes e trabalhadores, de milhares de homens e mulheres que lutaram por essa histórica conquista de anseio de Paz neste país irmão. Saudamos o povo irmão de Cuba que, mais uma vez, tem dado a sua contribuição para a humanidade, agora pela Paz, sendo o cenário de um marco histórico que irá silenciar as armas depois de mais de meio século de conflito armado na Colômbia.

Saudamos o acordo do Governo da Colômbia e das Forças Armadas Revolucionarias da Colômbia- Exercito do Povo (FARC-EP), que porá fim ao último conflito armado em Nossa América. Conforme defendemos sempre, somente uma saída política e negociada seria capaz de acabar com o conflito. A participação política das forças insurgentes contribuirá para o fortalecimento de um movimento político legal.

Juntamo-nos aqueles que proclamam para a participação política, com garantias de estabilidade e pelo fim do conflito político, social e militar. Por um caminho que leve à vida política legal, resultado da vontade popular e soberana de milhares de mulheres e homens colombianos comprometidos com a defesa das causas populares e sociais e com as reivindicações de setores da sociedade mais desfavorecidos, afetados pelas políticas neoliberais.

Ansiamos que a esperança de paz, traga uma alternativa para a mudança democrática do povo colombiano, da verdadeira democracia de paz com justiça social. Viva a paz estável e duradoura na Colômbia!

São Paulo, 23 de junho de 2016

Adilson Araújo,
Presidente da CTB

Divanilton Pereira,
Secretario de Relações Internacionais da CTB Coordenador da FSM para o Cone Sul

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.