Sidebar

15
Seg, Jul

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Sindicalistas de todo o mundo se reúnem nesta quarta e quinta-feira (29 e 30) em Lisboa para a Conferência Sindical Internacional “"O Futuro do Trabalho - A Valorização do Trabalho e dos Trabalhadores’, promovida pela central sindical portuguesa CGTP-IN.

O secretário de Relações Internacionais da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Nivaldo Santana, representa a entidade sindical na atividade que começou hoje e conta com a participação de mais de 30 organizações internacionais entre elas a Federação Sindical Mundial (FSM) e a Organização Internacional do Trabalho (OIT).

portugal1 praca

Na abertura do evento, o secretário-geral da entidade sindical anfitriã, Arménio Carlos, falou sobre a 4ª Revolução Industrial e seus impactos sobre o trabalho e os trabalhadores.

Para Nivaldo, a atividade será um importante espaço de debate e ocorre em um momento em que as forças conservadoras avançam e ameaçam a classe trabalhadora. “O movimento sindical internacional precisa construir uma plataforma de luta unitária para barrar os ataques brutais contra os direitos”, disse o sindicalista ao Portal CTB. 

Em relação ao futuro do trabalho, tema do encontro, o dirigente acredita que "é preciso estudar formas alternativas de organização e de luta para enfrentar as mudanças produzidas pela revolução técnico-científica adiante, precisa pensar em novas formas de gestão e organização do trabalho", sublinhou. 

nivaldo portugal1

Além do secretário de Relações Internacionais da CTB, a delegação brasileira na atividade está integrada pelo tesoureiro do Sinpro Minas, Newton Souza e pelo secretário de Relações Internacionais da Fitmetal, Francisco Souza.

Portal CTB 

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.