Sidebar

25
Seg, Mar

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Representante da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), Magnus Farkatt, assessor jurídico da Central, que participa da 105ª Conferência Internacional do Trabalho, principal reunião da Organização Internacional do Trabalho (OIT), organismo pertencente às Nações Unidas, iniciada segunda-feira (30) em Genebra, denuncia exaltação ao golpe no Brasil por parte de um membro da diplomacia brasileira pertencente à Missão Permanente do Brasil na ONU. 

De acordo com informações da imprensa internacional, o diplomata teria assumido o discurso sob orientação do interino José Serra, ministro do governo golpista.

A apologia ao golpe foi sufocada pelos membros da bancada dos trabalhadores e trabalhadoras do Brasil presentes na reunião, que se levantaram do plenário para denunciar o golpe de estado. De acordo com informações, delegados e convidados que representam mais de 100 países somaram o coro em protesto ao governo golpista de Temer.

A presidente da sessão, Cecilia Mulindeti-Kamanga, interrompeu o diplomata, alegando que o representante do governo infringiu as regras da Conferência ao tratar de assunto fora da pauta. O governo brasileiro teve sua fala cortada na Conferência como sanção pela infração cometida.

Portal CTB - Joanne Mota, com informações da agências internacionais

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.