Sidebar

19
Dom, Maio

Rurais
Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

No dia 3 de fevereiro, Fetaesp (Federação dos Trabalhadores na Agricultura Familiar do Estado de São Paulo) se reuniu com seus Sindicatos filiados para analisarem as mudanças sugeridas pelo governo federal, na chamada PEC 287/2016, que defini uma série de alterações no sistema de previdência social do país.

A reunião teve como objetivo também, construir um programa de ações, a serem desenvolvidas em conjunto, federação, sindicatos, confederação e trabalhadores rurais, com o fim de conscientização das mudanças e estabelecimento de negociação, junto aos poderes legislativo e executivo, para a oposição da aprovação da proposta.

Após a abertura política, realizada pelos diretores da entidade, o advogado, Israel Theodoro de Carvalho Leitão, realizou uma explanação sobre a proposta governamental e os principais pontos de questionamento. Em conjunto aos representantes dos Sindicatos presentes, foi realizada uma discussão dos prejuízos para a categoria rural, e quais as alternativas viáveis a serem apresentadas como alterações na proposta inicial.

Para o presidente da Fetaesp, Isaac Leite, o diálogo com a base é fundamental para a mobilização e possível reabertura de diálogo com o governo, “sabemos que não vamos conseguir derrubar essa reforma, mas, pedimos que todos conversem com os trabalhadores, enviem cartas às assembleias legislativas e prefeitos de suas cidades, faça sua parte, para que consigamos levar nossas sugestões de alterações e sermos ouvidos”, destacou.

Portal CTB com Fetaesp

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.

Conferência Nacional

banner cndr 2015

Últimas notícias rurais