Sidebar

20
Seg, Maio

Rurais
Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times
fetase governo sergipe encontro 2015Jackson recebeu secretário de Agricultura, Esmeraldo Leal e representantes de agricultores

(Foto: Marcelle Cristinne/ASN)

O governador Jackson Barreto recebeu durante a manhã desta segunda-feira (23) a diretoria da Federação dos Trabalhadores na Agricultura de Sergipe (Fetase) para reunião, realizada no Palácio de Veraneio. O encontro, que tratou de reivindicações que beneficiam a agricultura familiar sergipana, também contou com a participação do secretário de Estado da Agricultura, Desenvolvimento Agrário e Pesca, Esmeraldo Leal.

Entre os temas discutidos, esteve o Cadastro Ambiental Rural (CAR) e o crédito fundiário. O governador Jackson Barreto revelou que o CAR tomou a maior parte do tempo da conversa, e com a participação da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) se busca aprofundar essa discussão.

“Nós trouxemos a Adema para esta discussão e colocamos o órgão para trabalhar de forma mais objetiva e explicar alguns fatos que estão acontecendo, para vir prejudicar o grande projeto que é a agricultura familiar. A conversa foi desenvolvida sobre estes temas, agricultura familiar, o grito da terra e a questão estratégica do governo atuar de forma mais objetiva e mais rápida com relação ao Cadastramento Ambiental Rural. Então nós colocamos a Adema a disposição e aprofundamos esta discussão”, declarou Jackson.

O secretário da Agricultura informou ainda que a Fetase procurou o governo para reavivar a pauta do 5º Grito da Terra, ato que promovem anualmente para mobilizar os trabalhadores do campo. “Esta pauta já foi entregue e hoje pontuamos em que pé estava cada ação solicitada. Nós percebemos alguns limites e muitos avanços, então a reunião encerrou com esta intenção, de vermos o que ainda existe de limite para ser superado nestes próximos dias porque na verdade eles já estão preparando o 6º Grito que será agora no mês de maio”, informou Esmeraldo Leal, acrescentando que o encontro foi proveitoso. “Mais uma vez o governador reassume o compromisso com o campo, uma demonstração clara de satisfação dele de que a pauta está andando”, completou.

A presidenta da Fetase, Solange Ferreira, disse que ainda aguarda resposta do governo em relação ao Grito da Terra Sergipe, mas aprovou o encontro. “A discussão foi muito boa, a gente trouxe a questão do Cadastro Ambiental Rural, que tem prazo estabelecido até início de maio, com uma proposta de ser prorrogado. Outra coisa é um departamento que a gente tinha solicitado e também discutimos a situação do crédito fundiário aqui em Sergipe, a gente está meio pendente, sem muito andamento, mas esperamos que, com a reunião que o Governador vai ter em Brasília, que ele traga novidades para os agricultores familiares do estado”.

Fonte: Fetase

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.

Conferência Nacional

banner cndr 2015

Últimas notícias rurais