Pelos Estados
Ferramentas
Tipografia

agentes endemias maceioEm protesto pela não alteração do regime jurídico de trabalho de celetista para estatutário, dezenas de agentes de endemias realizam uma manifestação em frente à Secretaria Municipal de Saúde, no Prado, em Maceió, na manhã desta segunda-feira (15), e ameaçam greve por tempo indeterminado caso a questão trabalhista não seja resolvida.

O pleito da categoria é antigo. O projeto de lei já foi aprovado desde fevereiro deste ano pela Câmara Municipal de Maceió e os agentes questionam por que ainda não foi alterado o regime jurídico pela Prefeitura de Maceió.

De acordo com Wellington Soares, presidente do Sindicato dos Agentes Comunitários, a concretização do regime estatutário estaria dependendo do atual secretário de Saúde, que não teria repassado um documento para que fosse executada a mudança de regime pela Secretaria de Administração.

“O secretário [Adeilson Loureiro] diz que esta minuta está pronta para ser encaminhada para a Administração, mas até agora não foi feito. Ficaremos aqui na porta da secretaria até recebermos a cópia do envio deste documento”, destacou o sindicalista.

A categoria realiza hoje uma paralisação de advertência, mantendo apenas 30% dos serviços, e já ameaça greve geral caso o processo de mudança de regime jurídico de trabalho não seja encaminhado para o órgão responsável.

Com a mudança do regime jurídico de celetista para estatutário, os mais de 800 agentes de endemias que foram efetivados pela Prefeitura terão direitos a benefícios, entre eles a gratificação.

Portal CTB com agências

bloco

bloco