Sidebar

24
Dom, Mar

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Em mais uma edição das atividades da Escola Nacional da CTB, o secretário de relações internacionais, Nivaldo Santana, entrevistou nesta quinta (26) os companheiros argentinos, Rodrigo Romero e Rubén Ruiz (foto à dir.), da Central de Trabalhadores da Argentina (CTA).

O programa de entrevista é uma iniciativa da secretaria de Formação e Cultura, coordenada por Ronaldo Leite. Nesta edição de estreia o tema da conversa foi a reforma da Previdência aprovada em dezembro pelo governo neoliberal de Maurício Macri, na Argentina.

Os convidados falaram sobre a reforma em seu país e cotejaram as suas semelhanças com a proposta brasileira, que foi adiada e só deverá voltar a ser analisada pelo próximo governo.

No Brasil, destacou Santana, os fortes protestos populares contribuíram para o adiamento da votação da reforma previdenciária - resistência popular que não foi suficiente para impedir a aprovação da reforma trabalhista.

Já na Argentina, o governo enfrentou protestos gigantescos e, mesmo assim, a proposta passou no parlamento e está sendo implementada.

O sindicalista Rubén Ruiz, que é secretário-geral do Sindicato dos Trabalhadores em Gás, destacou a reação do movimento sindical, que superou divergências históricas e se uniu na campanha contra a aprovação da reforma previdenciária.

Ele lembrou também que a atuação das forças sindicais contribuíram e foram vitoriosas para barrar a reforma trabalhista. Ao contrário do que aconteceu no Brasil.

O Portal CTB disponibilizará o vídeo da entrevista na íntegra nesta sexta (27) e ficará disponível até o dia 5/5. 

Portal CTB

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.