Sidebar

25
Sáb, Maio

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Começa nesta sexta-feira, dia 22, o 2º Encontro Nacional da Mulher Trabalhadora da CTB. “Mais do que nunca a participação da mulher trabalhadora se torna essencial para conquistarmos a igualdade de gênero e com isso construirmos uma sociedade mais justa”, define Ivânia Pereira, secretária da Mulher Trabalhadora da CTB. “Preparamos este encontro com objetivo de estimular as mulheres a participarem mais ativamente das instâncias de poder. Queremos ter candidatas a vereadoras em todos os municípios do país”, afirma.

De sexta-feira (22) a domingo (24), o evento ocorre na sede da Contag (Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura) em Brasília, com o tema Reforma Política, Democracia, Poder e Igualdade para as Mulheres. “Julgamos ser este momento muito apropriado para debater o machismo e as restrições impostas às mulheres no mercado de trabalho e na sociedade”, diz Ivânia. Por isso, “convidamos às CTBs estaduais a organizarem a participação de duas delegações. É fundamental que as mulheres tomem a frente das lutas porque o que acontece na política tem reflexos diretos nas nossas vidas”, argumenta.

Participam das palestras o secretário da Comissão Especial de Mobilização da Reforma Política da OAB Federal, Aldo Arantes, a ministra do Superior Tribunal Militar, Maria Elizabeth Guimarães Teixeira Rocha, a coordenadora-geral da União Brasileira de Mulheres, Lúcia Rincon e a presidenta da Central Única dos Trabalhadores do Chile, Bárbara Figueroa e a líder do PCdoB na Câmara dos Deputados, Jandira Feghali. Com certeza, os debates prometem.

Segundo Ivânia, o encontro pretende a sistematização das questões de igualdade de gênero na CTB. “Principalmente para a mulher trabalhadora, maioria da sociedade, porque o patriarcalismo joga sobre os ombros das mulheres as obrigações domésticas”, acentua. Assim, defende ela, “a luta por creches é essencial para a vida das trabalhadoras. Existe um déficit de 9 milhões de vagas em creches, o que dificulta a vida de todas as mães. Creche é um direito da criança e uma necessidade da família”.

Acompanhe a programação completa

Consulta às participantes

Por Marcos Aurélio Ruy – Portal CTB

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.