Sidebar

24
Dom, Jun

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Celina Arêas, secretária da Mulher Trabalhadora da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) foi eleita para o Comitê de Mulheres Trabalhadoras no Congresso Mundial de Mulheres Trabalhadoras da Federação Sindical Mundial (FSM).

As mulheres de todos os continentes estiveram reunidas na Cidade do Panamá, entre os dias 8 e 11 e decidiram as novas políticas da FSM para a luta por igualdade e equidade de gênero.

O comitê foi eleito no domingo (11) e a representante da África do Sul, Khanye Matalepo Grace foi eleita a coordenadora. Arêas representa o Brasil juntamente com integrante da Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB).

congresso mundial mulheres trabalhadoras fsm celina coordenadora africa do sul

“Com debates intensos e ricos, construímos uma plataforma para a luta das mulheres trabalhadoras pelo mundo afora”, explica Arêas. “Todas entendemos a necessidade de empoderar a mulher para o necessário combate à violência que nos atinge em todos os cantos do planeta”.

Além disso, a cetebista, afirma que “a realidade de enfrentamento ao machismo e à cultura do estupro faz parte do itinerário das mulheres trabalhadoras em todo o mundo, por isso elaboramos propostas de unificação das lutas”.

De acordo com ela, “este congresso marca o pontapé inicial para a FSM abraçar com mais firmeza ainda a luta pela emancipação feminina, defendendo salários iguais para trabalho igual e o combate tenaz ao assédio sexual e ao assédio moral que as mulheres sofrem todos os dias”.

A partir deste congresso, a FSM passa a orientar todos as instituições sindicais filiadas a moverem esforços por igualdade de gênero, “orientando ainda pela maior presença de mulheres nas direções das entidades sindicais”, conclui Arêas.

Portal CTB

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.