Sidebar

23
Ter, Jul

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

anibal de freitasA 4ª Conferência Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres de São Paulo, marcada para os dias 3 e 4 de setembro, deve reunir cerca de 2 mil representantes, entre governo e sociedade civil, que elegerão as propostas de políticas para mulheres a serem encaminhadas para as conferências Estadual e Nacional através das delegações eleitas.

A Secretaria de Participação e Parceria (SMPP) da Prefeitura de São Paulo e os movimentos feministas e de mulheres promoveram Pré-Conferências regionais em todas as regiões da cidade, capilarizando a discussão sobre os direitos das mulheres e ampliando a mobilização entre a população.

Abertas a toda população, as pré-conferências serviram para avaliar as necessidades de cada região em relação às políticas públicas sociais voltadas às mulheres. Além disso, analisaram as propostas da comunidade para serem debatidas durante a 4ª Conferência Municipal de Mulheres nas áreas de saúde, educação, cidadania e trabalho.

Na etapa municipal, serão dois dias de trabalhos intensos de discussão das propostas a serem encaminhadas e eleição das delegadas às etapas seguintes (estadual e nacional) da 3ª Conferência Nacional de Políticas Públicas para as Mulheres, do Governo Federal, a se realizar entre 12 e 14 de dezembro deste ano em Brasília. Além de debate, haverá também momentos de descontração e confraternização com atividades culturais. A 4ª Conferência Municipal ocorrerá entre os dias 3 e 4 de setembro, no Expo Center Norte, e é aberta a toda a população residente no município.

Secretaria de Mulheres Trabalhadoras da CTB

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.