Sidebar

26
Dom, Maio

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Atendendo ao chamado da Federação Sindical Mundial (FSM) que realiza, desde a última sexta-feira (15), uma semana em solidariedade ao povo palestino com ações em todo o mundo, a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) participou do ato realizado em São Paulo.

CTB condena decisão de Trump de reconhecer Jerusalém como capital de Israel

Representantes de organizações solidárias com a Palestina no Brasil, entre elas a CTB-SP, marcharam, na sexta, até o Consulado dos Estados Unidos onde protestaram contra a decisão do presidente, Donald Trump, de reconhecer Jerusalém como capital de Israel e transferir a embaixada norte-americana de Tel Aviv para a cidade.

palestina sp 2

Em 1967, Israel ocupou militarmente Jerusalém Oriental e em 1980 anexou essa zona e proclamou a cidade como sua capital. A comunidade internacional não reconhece Jerusalém como capital israelense e nem a anexação. A Organização das Nações Unidas (ONU) exige, através de diversas resoluções, a retirada das tropas.

Desde o anúncio de Trump, líderes mundiais têm condenado a iniciativa que desencadeou uma onda de violência na região. Na última quinta (13), durante reunião da Organização de Cooperação Islâmica (OIC), líderes de países muçulmanos pediram que Jerusalém Oriental seja reconhecida como capital do futuro Estado da Palestina.

Em diversas partes do mundo estão sendo realizados protestos em solidariedade ao povo palestino. Até a próxima quinta (21), o movimento sindical internacional, convocado pela FSM, fará demonstrações em repúdio à atitude do governo dos Estados Unidos.

Portal CTB 

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.