Sidebar

19
Sex, Jul

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia, Augusto Vasconcelos, esteve hoje (16) com o vice-governador do estado para pedir o apoio do governo contra o desmonte dos bancos públicos, que reduz o quadro de pessoal e fecha agências em Salvador e no interior. A todo momento, o cidadão é surpreendido com uma notícia sobre o fechamento de unidades do BB, BNB e Caixa. 

O encerramento das atividades prejudica a população e a economia. O alerta foi dado pelo presidente do Sindicato, Augusto Vasconcelos, em reunião, nesta quinta-feira (16/11), com o vice-governador do Estado. João Leão destacou que os bancos públicos são fundamentais para o desenvolvimento da Bahia e do Brasil e se comprometeu em agir para evitar o fechamento das unidades.

O Sindicato também denuncia o desmonte feito pelo governo Temer na Câmara Federal. Depois de um pedido da entidade, o deputado federal, Daniel Almeida (PCdoB), fez requerimento e no dia 5 de dezembro, às 11h, acontece uma Comissão Geral no plenário da Casa para discutir o assunto.       

A reunião desta quinta-feira (16/11), que contou com a participação da deputada federal Alice Portugal, outra parlamentar que presta apoio importante à categoria, tratou ainda sobre a extinção de setores da Caixa, como a GIFAB. 

Além dos bancos, foram discutidos assuntos relacionados ao programa Minha Casa, Minha Vida e a necessidade de superar o déficit habitacional no Estado. O debate teve a participação de Ivete Leão, liderança do Movimento de Moradia Popular. 

"Estamos em luta contra o desmonte que o governo Temer vem promovendo no País. Na oportunidade tratamos ainda da queda dos investimentos em moradia na Bahia, cortados pelo Governo Federal, que atinge em cheio os movimentos da área", relatou Augusto. 

Diversas ações
O Sindicato trabalha em diversas frentes para evitar que as estatais sejam desmontadas e privatizadas, como quer o governo Temer. O presidente da entidade, Augusto Vasconcelos, já se reuniu com o presidente da UPB (União dos Municípios da Bahia), Eures Ribeiro Pereira. 

O SBBA também conseguiu realizar audiência pública na Assembleia Legislativa da Bahia e em Câmaras de Vereadores de diversos municípios, além de três dias nacionais de luta em defesa dos bancos públicos. 

Ruth de Souza - Portal CTB (com Sindicato dos Bancários-BA)

 

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.