Sidebar

19
Dom, Ago

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores(as) Familiares do Estado do Piauí (FETAG-PI), por meio da Secretaria de Mulheres,  realizou o Encontro Estadual de Mulheres por Desenvolvimento Rural Sustentável e Solidário no Piauí, em preparação para a 6° Marcha das Margaridas, que aconteceu no Centro de Formação Sindical Rural (CESIR) em Teresina, com o apoio da CONTAG e SENAR, através da Secretaria de Mulheres da Confederação.

Durante a cerimônia de abertura dos trabalhos, diversas autoridades sindicais estavam presentes, como a Presidente da FETAG-PI, Lucilene Ferreira, Secretária de Mulheres, Marlene Veloso e os demais da diretoria, Secretária Nacional de Mulheres da CONTAG, Mazé Morais, Presidente da União Brasileira de Mulheres (UBM), Tatiane Seixas, Coordenadoras de polos regionais, Pré-candidata a deputada estadual pelo PCdoB, Elisângela Moura, Representante da Coordenadoria Estadual de Política para as Mulheres, Laíssa Maia, Secretária de Mulheres do PCdoB, Lourdes Rufino, além de mais de 50 trabalhadoras rurais vindas de várias regiões do Estado.  

O objetivo do encontro foi fortalecer as estratégias de construção da 6ª Marcha das Margaridas 2019, que acontecerá em Brasília, a partir de processos formativos, de mobilização e multiplicação das mulheres trabalhadoras rurais do campo, florestas e águas.

Segundo a Secretária de Mulheres da FETAG-PI, Marlene Veloso, o encontro foi para fortalecer estratégias da Marcha das Margaridas que será realizada em 2019 em Brasília-DF. “É uma questão de luta e denuncia contra as injustiças e retirada de direitos como, por exemplo, a reforma trabalhista e a retirada de ministérios que afetou diretamente as mulheres. Portanto, queremos que essas lideranças compreendam a importância da Marcha e das eleições 2018, uma vez que somos o maior eleitorado e temos que nos posicionar com firmeza e que nós mulheres temos um papel preponderante na sociedade”, afirmou Marlene Veloso.  

 A presidente da Federação, Lucilene Ferreira destacou a importância de políticas voltadas para as mulheres. “É um desafio muito grande e nós da FETAG-PI estamos aqui para ajudar nesta construção, nós sabemos que as políticas públicas para as mulheres já existem há algum tempo, porém muitas mulheres ainda sofrem violências, principalmente as agricultoras familiares do campo. Precisamos lutar pela construção e implementação de uma Secretaria para as mulheres, não apenas uma coordenadoria, tendo em vista os índices alarmantes de feminicídeo que assola o Piauí. Um exemplo bastante importante vem da nossa Federação, que tem uma secretaria específica para as mulheres, justamente para que esses direitos sejam garantidos e respeitados”, concluiu.

A secretária de Mulheres da CONTAG, Mazé Morais falou que esse é um momento importante de debate e preparação para 6° Marcha das Margaridas. “Através deste encontro vamos construir o projeto para Marcha do próximo ano, pois estes espaços servem para formação, mobilização e integração de todas as mulheres que se unem num único objetivo que é a realização deste grande ato chamado Marcha das Margaridas. Além disso, não podemos nos esquecer de debater as eleições deste ano, porque precisamos nos organizar ainda mais e fortalecer as bandeira de luta do movimento sindical”, afirmou.

Durante o Encontro foram debatidos 05 eixos temáticos: Por Terra, Água e Agroecologia; Por autonomia Econômica, Trabalho e Renda; Por Previdência e Assistência Social Pública, Universal e Solidária; Por uma vida livre de todas as formas de violência, sem racismo e sexismo e por Democracia com Igualdade e Fortalecimento da participação política das Mulheres. Os encaminhamentos dos trabalhos em grupos farão parte do caderno de debates da Marcha. E também a conjuntura nacional e seus impactos sobre a vida das mulheres, de forma a fortalecer análises e estratégias de resistências ao golpe, a perda de direitos e em defesa da democracia. Além de trazer reflexões sobre as eleições de 2018, fortalecendo as pré-candidaturas orgânicas do MSTTR.

O Piauí é o segundo estado que recebe este Encontro de Mulheres, no total serão 08 estados onde serão construídas estratégias em preparação para a Marcha das Margaridas.

FONTE: Comunicação FETAG-PI - Roana Wrsula e Paes Landim

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.