Sidebar

11
Ter, Dez

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

A Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB) divulgou nesta quarta-feira (8) uma nota oficial em solidariedade à dirigente sindical chilena Bárbara Figueiroa. 

A presidenta da central sindical CUT-Chile foi agredida por uma mulher em uma via pública, nas imediações da central sindical que dirige. O ataque foi comunicado à polícia que está investigando o caso.

"É muito suspeito que um ataque destes ocorra alguns dias após o 1º de maio. Assemelha-se a antigas práticas que tinham por objetivo silenciar os dirigentes sindicais", diz nota divulgada pela CUT. 

A CTB denuncia a intolerância política e a falta de respeito à convivência civilizada por parte das forças conservadoras e de direita.

"Tais práticas devem ser rechaçadas com veemência e as autoridades públicas têm a obrigação de punir os autores destas violências", diz nota da CTB. 

Portal CTB

0
0
0
s2sdefault