Sidebar

22
Sex, Mar

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Recente pesquisa realizada pelo Datafolha aponta que 30% dos brasileiros dizem ter sofrido discriminação por causa da classe social. O levantamento também considerou local onde mora, religião, gênero, cor ou raça, e orientação sexual. A pesquisa foi feita com 2.077 pessoas com 16 anos ou mais, em 130 cidades.

Sentiram-se discriminadas por local onde mora 28% dos entrevistados, por religião 26%, por gênero 24%, cor ou raça 22% e orientação sexual 9%. O maior índice de preconceito por classe social por região foi registrado no Sudeste, com 35%, seguido de Centro-Oeste, com índice de 29%, Sul (27%). O menor índice foi no Nordeste, com 25%.

Por raça, 11% dos brancos disseram já ter sofrido preconceito, entre os pardos, 18%, amarelo, 9%. Preto e indígenas registraram maior índice de preconceito, com 55% e 30%, respectivamente. A pesquisa também fez levantamento por orientação sexual. Entre os bissexuais, 38% responderam que já sofreram algum tipo de discriminação, heterossexuais (6%) e homossexuais (55%).

Fonte: SEEB Bahia

0
0
0
s2sdefault