Sidebar

19
Dom, Maio

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Baseada na falácia sobre um suposto rombo no setor e com forte apoio da mídia hegemônica, a Reforma da Previdência proposta pelo governo ilegítimo de Michel Temer e os desafios das mídias alternativas, comunitárias e populares para enfrentarem a pauta serão tema de Seminário no dia 24 de março, em São Paulo. A atividade é promovida por parceria entre Barão de Itararé e Agência Sindical. As inscrições são limitadas e custam R$ 50.

O Seminário será dividido em duas partes. A primeira, com início às 14h, discutirá Os impactos econômicos e sociais da reforma da Previdência. O debate ficará a cargo de Eduardo Fagnani (professor de Economia da Unicamp e coordenador da rede Plataforma Política Social) e Rodolfo Viana (economista do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos - Dieese).

A segunda rodada de discussão abordará Os desafios da comunicação - como falar aos trabalhadores e à sociedade. Participam da mesa João Franzin (coordenador da Agência Sindical), Ana Flavia Marx (jornalista, integrante do Barão de Itararé e do coletivo #VivaVéi) e Laura Capriglione (jornalista do coletivo Jornalistas Livres).

Enquanto o primeiro debate busca subsidiar uma formação completa sobre a crítica à desastrosa reforma proposta pelo governo, a segunda mesa propõe ideias, formas e linguagens para que disseminar o debate para além dos círculos de esquerda.

Inscrições e pagamento 

As inscrições são limtadas em 50 vagas e podem ser feitas pelo formulário (disponível aqui). O pagamento é feito via PagSeguro. Outras informações: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. ou pelo telefone (11) 31591585. Atenção: mesmo realizando o pagamento, não se esqueça de preencher o formulário de inscrição.

Barão de Itararé  

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.