Sidebar

21
Ter, Maio

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

Entre os dias 1 e 3 de julho ocorre em São Paulo o “Encontro Internacional de Trabalhadores e Trabalhadoras de Transporte contra a Privatização”. O vice-presidente da UIS (União Internacional dos Sindicatos) do ramo na região América Latina e Caribe e secretário adjunto de Relações Internacionais da CTB, José Adilson Pereira, participará do evento.

Organizado pelo sindicato dos metroviários, a atividade debaterá a privatização nos transportes “seja a venda para o setor privado, a parceria público privada (PPP) ou concessões e seus efeitos”, diz a convocatória.

Segundo os organizadores do evento estão confirmadas delegações de vários estados brasileiros e de diversas partes do mundo como Argentina, Chile, EUA, Portugal e Grécia. 

Além da troca de experiências sobre os processos de privatização e precarização, o encontro irá discutir formas de construir a solidariedade internacional.

O evento que, reunirá dirigentes e ativistas sindicais de todos os meios: metro-ferroviário, sobre rodas, aéreo ou marítimo, será na sede do sindicato (Rua Serra de Japi, 31 - Tatuapé).  

Programação:

Dia 1 de julho, sexta-feira
18h00 – Abertura com Centrais Sindicais nacionais e internacionais

Dia 2 de julho, sábado
9h00 – Painel sobre a luta contra a privatização no Brasil
10h30 – Painel sobre a luta contra a privatização nos Estados Unidos
12h00 – Almoço
13h30 – Painel sobre a luta contra a privatização na Europa
15h00 – Painel sobre a luta contra a privatização na América Latina
16h30 – Coffee break
17h00 – Painel sobre a luta contra a privatização na África
18h30 – Fim dos trabalhos

Dia 3 de julho, domingo
9h00 – Painel sobre a luta contra a privatização nos Portos e Aeroportos
10h30 – Plenária final para discutir manifesto internacional contra as privatizações e pela solidariedade internacional entre os trabalhadores e trabalhadoras
14h00 – Encerramento

Portal CTB 

 

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.