Sidebar

16
Ter, Jul

Rurais
Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times


O 1° tesoureiro da Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Rio Grande do Sul (Fetag-RS), Nestor Bonfanti, participou hoje (10), em Brasília, de uma reunião com diversas entidades, secretarias e parlamentares que estão buscando saídas para a crise vivida pela cadeia leiteira no estado.

fetag rs dirigentesElton Weber, Sérgio de Miranda, Heitor Schuch e Nestor Bonfanti, dirigentes da Fetag-RS

 

O pleito da Fetag é o seguinte:

- Quanto ao credenciamento das indústrias para exportação, bem como a suspensão das importações não foram tratadas em função da ministra Kátia Abreu do Mapa não receber a comitiva, justificando que não havia agenda com a mesma;

- Quanto a solicitação da Fetag de um crédito emergencial e de bônus de adimplência nas operações de custeio pecuário, o MDA ficou de analisar o pedido;

- A Fetag-RS solicitou por parte do governo federal a aquisição de leite em pó de 4 mil toneladas para enxugar o mercado; porém, foi acenada a possibilidade da liberação de R$ 30 milhões para aquisição de 3 mil toneladas pela CONAB, o que ajuda mas ainda não é o suficiente.

Neste sentido, a Fetag-RS continua de forma permanente buscando soluções e alternativas para minimizar os prejuízos da crise que assola o setor neste momento, bem como participando do Grupo de Trabalho criado para continuar a discussão na crise do setor.

Fonte: Fetag-RS

0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.

Conferência Nacional

banner cndr 2015