Sidebar

27
Seg, Maio

Fonte
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times

O pedido de prisão preventiva de Lula pelo Ministério Público de São Paulo nesta quinta-feira (10) explicita o agravamento da crise política no Brasil e exige a intensificação da mobilização social contra o avanço das forças conservadoras.

A CTB convoca todos os sindicatos e a militância a constituírem comitês em defesa da democracia como estratégia para enfrentar o acirramento da luta de classes no país que é incitado pela direita neoliberal em sua tentativa permanente de retomar o poder político no Brasil.

É preciso ter em mente, mais que nunca, as conquistas obtidas nos últimos 13 anos, proporcionadas pelas políticas sociais implementadas pelos governos Lula e Dilma, com o resgate de 36 milhões de brasileiros da pobreza extrema e a valorização do salário mínimo, que em 12 anos teve 72% de aumento real. 

A direita golpista em ação trabalha para o agravamento da crise, impõe uma agenda conservadora e quer líquidar o legado de conquistas sociais e econômicas e, por fim, o sonho de milhões de brasileiros.

Vamos organizar seminários e debates, mobilizar e informar as bases, formar argumentos, debater amplamento o que está em jogo e incentivar a militância a resistir à ofensiva da direita e defender a democracia brasileira. 

Adilson Araújo, presidente nacional da CTB

 
0
0
0
s2sdefault

Quer saber o que acontece no movimento sindical e no mundo do trabalho?

Digite seu nome e e-mail para receber gratuitamente nosso informativo.